‘Eu me sinto blindada pelas orações dos fãs’, diz a esposa de Sérgio Moro

‘Não pergunto quem vai ser preso, nem quando nem por quê. Não tenho nenhuma informação privilegiada’

A vida discreta de Rosangela Moro, 42 anos, sofreu uma reviravolta há três anos. A razão é fácil de adivinhar: a curitibana, filha de uma professora de escola pública e de um mestre de obras, teve de administrar o impacto de ser casada com o hoje arquifamoso juiz Sergio Moro.

Advogada há duas décadas (o pai queria uma “filha doutora”), Rosangela agora será lançada no centro da arena: defenderá o marido, comandante da Operação Lava Jato, em ação por abuso de autoridade movida pelo ex-presidente Lula.

Rosangela é avessa a entrevistas: o máximo de exposição que se permite são os posts na página Eu Moro com Ele, no Facebook. Mas ela quebra o silêncio na revista CLAUDIA que chega às bancas e tablets na sexta-feira 3.

Como o casal trata da Lava Jato em casa? “O Sergio é uma pessoa muito equilibrada. Não pergunto quem vai ser preso, nem quando nem por quê. Não tenho nenhuma informação privilegiada, exceto quando se refere à segurança da família”, diz.

A musa de Moro já causou furor numa igreja: “Pedi ao padre uma bênção especial. Quando ele soube quem eu era, falou por trinta minutos de política. Nos segundos finais, disse: ‘Mantenha a serenidade’ ”. E como ela reagiu? “Não tenho medo. Eu me sinto blindada pelas orações dos fãs, e rezo também.”

Fonte: Rosangela Moro: ‘Eu me sinto blindada pelas orações dos fãs’ | VEJA.com

‘Se preparem, porque, se necessário, eu serei candidato à Presidência’, diz Lula na Bahia

A declaração foi dada durante o 29º Encontro Estadual do MST

“Se preparem, porque, se necessário, eu serei candidato à Presidência. Se eu for candidato, é para a gente ganhar as eleições desse país”, disse Lula, a uma plateia que usava bonés vermelhos com a inscrição “Estamos com Lula”.

Mais cedo, no mesmo evento, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, afirmou que o partido ainda não tomou a decisão sobre uma eventual candidatura do ex-presidente, mas que ele é “aspiração nacional”.

Fonte: ‘Época NEGÓCIOS | Brasil

Marconi declara incompetência: Em 2018 o eleitor vai analisar editais ao invés de planos de Governo! 

Ana Carla, secretária da fazenda do estado de Goiás declarou que o Governo pretende vender tudo o que for possível e praticamente enterra as chances de José Eliton se eleger sucessor do Tucano chefe.

Estado pretende obter R$ 2 bi para investimentos em obras e serviços para então terceirizá-los; segundo secretária da Fazenda, não há nada que não possa ir para a iniciativa privada incompetentes

Com esta solução para crise, Marconi Perillo reconhece a incompetência do seu Governo que não é capaz de gerir a coisa pública com visão de futuro, depois de perder a CELG e jogar a culpa nos adversários, o Tucano parece ter tomado gosto pela solução mais fácil e dolorosa para o povo goiano. 

Fonte: ‘Tudo que puder, vai ser privatizado’, diz Ana Carla

Cardeais que questionaram Papa podem perder cargo na Igreja

Cardeais que questionaram Papa podem perder cargo na Igreja, Segundo decano, Papa poderia tirar status dos cardeais, Os quatro cardeais que questionaram o papa Francisco sobre sua exortação católica “Amoris Laetitia”, lançada em 8 de abril deste ano e que trata de questões como família e casamento, podem perder seus cargos

Fonte: Cardeais que questionaram Papa podem perder cargo na Igreja – Vaticano – ANSA Brasil

Jogou a toalha! Sem conseguir mostrar a que veio, José Eliton pede para sair da Segurança Pública

Vice-governador encaminhou pedido ao governador Marconi Perillo (PSDB), que fez o anúncio nesta quinta-feira (1º/12)

incompetentesPara muitos o ingresso do Vice-governador na pasta era apenas para que ele tivesse visibilidade diante de desafios tão complexos, pacificar o estado seria uma ótimo cartão de visitas para garantir a indicação como candidato do Governador a sucessão em 2018. Não conseguiu mostrar um bom trabalho e pede sair sem apresentar nenhum dado animador a sociedade.

1-bbb

Tirando uma voltinha na chuva para auto-promoção, José Eliton não conseguiu realizar nada de impacto à frente da Secretária de Segurança Pública do estado de Goiás.

Leia mais… José Eliton deixa Secretaria de Segurança Pública de Goiás – Jornal Opção